À Conversa com Mónica Mota

T – Mónica, és uma das nossas autoras mais recentes. Como tem sido a tua presença na Toranja?

MM – Gosto muito de trabalhar com a Toranja, tem sido uma parceria óptima.

T – Fala-nos um pouco do teu trabalho.

MM – Eu cresci a pensar que apenas um grupo restrito de pessoas podiam ser pintores, agora acredito que a criatividade e a intuição estão intimamente ligadas. Nós nascemos com elas e os impulsos de criatividade estão apenas à espera de ser ouvidos e emergir. O medo de não saber o que fazer ou de fazer alguma coisa errada impede-nos de começar. Se conseguirmos vencer os nossos medos, abrimos um mundo de possibilidades. Acredito que não há erros no processo de criatividade, mas sim acidentes felizes.

Eu trabalho com várias camadas de tinta acrílica e também com colagens. Este processo dá-nos a liberdade de cobrir, recomeçar, limpar e mudar o rumo as vezes que quisermos. É uma prática divertida e espontânea e permite que a arte surja naturalmente.  As minhas meninas são o meu tema preferido. Foi nelas que encontrei a minha voz, a minha marca. Através delas posso transmitir o que me vai na alma.

Agora também estou a fazer padrões, é também um processo  que estou a adorar, mas que ainda está no começar.

2015-10-14 15.09.09 2015-10-14 16.01.38 2015-10-14 18.03.28

2014-08-28 19.09.11  2014-08-26 22.52.21 2014-08-27 01.05.50

T – Quais são as tuas fontes de inspiração?

MM – A minhas fontes de inspiração estão em todo lado, no meu dia a dia, na natureza,  em celebridades, em sentimentos, nas estações do ano, na internet…

Pode visitar o trabalho da Mónica Mota em: http://toranja.pt/categoria-produto/autores/monica-mota-autores/

Deixe uma resposta